Institucional
TwitterFacebook
Categoria

jan 12, 2018

Feira noturna sem público e feirantes está prestes a acabar

No dia 23 de março de 2017 aconteceu no recinto de exposições Antônio Carlos Farrapo  a 1° Feira Noturna, uma realização da Secretaria de Meio Ambiente em conjunto com a Secretaria de Cultura. Dividida em dois ambientes, área de alimentação com show ao vivo e opções variadas de comidas, lanches e doces. E o segundo ambiente uma feira completa, produtores rurais com produtos de altíssima qualidade frescos direto da horta, com preço acessível, barraca de roupas, consertos de relógio, queijos variados, artesanatos e mudas de legumes, hortaliças, plantas e flores.  “Estamos otimistas quanto a esse evento, hoje o primeiro dia já podemos sentir o quanto nossa cidade precisava aproveitar melhor esse espaço, nossos produtos e serviços, podendo ser encontrado no dia de semana e a noite, vai agradar mais ainda as pessoas que gostam da feira do sábado, agora com mais um dia para comprar e se divertir em família”, declarou um dos comerciantes na época da início, para nossa reportagem.

No entanto, recentemente, muitos feirantes vem nos procurando e relatando que infelizmente muitos dos colegas já não comparecem mais, e que os poucos que estão se mantendo no local estão com medo. Segundo relatos, o público da feira mudou. “Não vemos mais famílias no local, agora há jovens vendendo e consumindo drogas e muitas vezes roubando mercadorias dos colegas. A gente vê, mas fazer o que se não tem polícia no local e ficamos sem poder fazer nada. Acredito que seja por isso que as famílias pararam de vir à feira. A gente quer continuar, mas deste jeito que está não dá mais. O recinto era lotado e hoje temos só seis box ocupados”, relata um dos feirantes.

Vamos entrar em contato com os setores responsáveis e aguardar que a feira noturna volte a movimentar de forma positiva as noites de quinta-feira na cidade.

A parte reservada para produtores está vazia e sem iluminação, o que aumenta a insegurança de quem insiste em estar na feira.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *